Conecte-se conosco

Brasil

Cantora gospel grávida de 8 meses, morre de Covid-19 no Acre

Publicado

em

Vanucia Alves da Silva e a bebê não resistiram e morreram na noite de domingo (22) – Foto: Arquivo pessoal

A cantora gospel Vanucia Alves da Silva, de 36 anos, que estava grávida de oito meses e que foi internada na UTI do Pronto Socorro de Rio Branco com Covid-19, morreu na última domingo. Mesmo grávida de 8 meses, o hospital não decidiu fazer o parto e o bebê também veio a óbito.

Publicidade

Grávida de oito meses do primeiro filho e diagnosticada com Covid-19, Vanucia Alves da Silva chegou a ser intubada dentro da ambulância e os médicos analisaram se seria preciso fazer um parto de emergência. Somente três dias depois que conseguiu a transferência para um leito de tratamento intensivo, no PS, e foi entubada dentro da ambulância do Samu para ser transferida de hospital.

Ela foi entubada por conta da insuficiência respiratória aguda causada pela Covid-19, associada à trombofilia, e foi levada para a UTI do 5º andar. No sábado (20) cerca 50% dos pulmões da cantora estavam comprometidos. O quadro de saúde de Vanúcia agravou por causa de uma pneumonia e de problemas nos rins vindo a falecer no domingo.

Publicidade

O diretor informou que não foi possível fazer o parto de emergência na cantora, porque o quadro clínico dela não estabilizou desde sua entrada na unidade. Pelo contrário, logo nas horas seguintes, ela apresentou piora, mesmo recebendo os atendimentos na UTI.

“Ela chegou no Pronto Socorro muito grave e nas primeiras 12 horas de atendimento aqui na UTI, o quadro dela se agravou absurdamente. Ficou extremamente instável e isso inviabiliza qualquer procedimento”, afirmou Peniche ao portal G1.

O marido de Vanucia, Renêr Queiroz, disse que houve negligência no atendimento dado à esposa tanto na maternidade quanto no Pronto Socorro. Ele falou ainda que pretende procurar o Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) para fazer uma denúncia.

Publicidade

“Não tenho palavras para descrever esse momento, é muita dor. Tenho vários advogados a minha disposição, ainda não tive coragem de ir ao hospital pegar o prontuário”, disse ele.

Vanucia Alves da Silva era cantava em diversas igrejas evangélicas da região. Fotos e vídeos publicadas nas redes sociais, mostram a cantora adorando a Deus em diversas reuniões. A mote dela repercutiu nas redes sociais e foi bastante lamentada por amigos e familiares.

No início deste mês, Vanucia usou suas redes sociais para falar da pandemia da Covid-19 e lamentou as mortes. Além disso, pediu proteção de Deus contra o vírus: “Meeeu Paaai está muito difícil acessar as rede social. Toda vez nos chocamos com uma partida bem próximo à nós, ou à nossos amigos. Que Deus nos proteja, e console todas as famílias com o seu refrigério, nesse momento de dor”, escreveu a cantora.

Vanucia Alves com seu marido Rener Queiroz – Foto: Arquivo Pessoal

Destaques do Mês