Conecte-se conosco

Mundo

Fundadora da Igreja Renascer deixa cadeia nos EUA

Publicado

em

Bispa Sonia Hernandes – Foto: Reprodução/Facebook

Presa desde 21 de janeiro em prisão da Flórida, bispa foi liberada esta manhã. Ela havia sido condenada por entrar com dinheiro não declarado nos EUA.

Publicidade

A bispa Sonia Hernandes, fundadora da Igreja Apostólica Renascer em Cristo ao lado do marido Estevam Hernandes, participa no final da tarde deste sábado (7), por transmissão via satélite, de seu primeiro encontro com fiéis da igreja após deixar a prisão nos Estados Unidos. Presa desde o dia 21 de janeiro, ela foi liberada esta manhã de um presídio da Flórida.

Chamado de “Ceia dos oficiais”, o encontro deste sábado acontece no Parque do Ibirapuera desde as 17h. Realizado mensalmente, o evento costuma reunir cerca de 10 mil diáconos, presbíteros, pastores e bispos da Renascer, segundo a organização.  A reaparição da bispa ocorreu às 18h. Quando seu rosto apareceu no telão, ela foi ovacionada pelos fiéis.

Publicidade

“Como eu amo vocês. Como eu amo essa igreja. Que falta que vocês fazem. Como é bom ser provado e aprovado”, afirmou Sonia no seu primeiro discurso em liberdade. “Hoje eu sei o que é estar em um lugar e não poder pregar. O Espírito Santo fala por você”, complementou, em um discurso interrompido por lágrimas pelo menos duas vezes.

A bispa contou aos fiéis que, no último dia de detenção, realizou batismos dentro da prisão. “Ontem (sexta) subi num púlpito e batizei quatro pessoas”.

Livro

Publicidade

O marido dela, o apóstolo Estevam Hernandes também comentou a prisão. “Nós já passamos por muitas e muitas coisas, mas temos certeza e fé naquilo que a gente prega. A gente continua de pé”, disse.

Segundo ele, o casal deve publicar um livro com testemunhos sobre o que sofreram. “Os detalhes do nosso testemunho a gente vai dar quando voltar ao Brasil e no livro que a gente vai lançar, com fotos e tudo. Vamos dar o nosso testemunho”, afirmou. “Nunca, nas nossas vidas, experimentamos o sofrimento que passamos.”

Kaká

O jogador de futebol Kaká, do Milan, que se recupera em São Paulo de uma cirurgia no joelho, também participou da cerimônia. Fiel da Renascer, ele também participou da Marcha para Jesus, promovida pela igreja no feriado de Corpus Christi.

Detenção

Publicidade

Sonia Hernandes foi enviada no dia 21 de janeiro deste ano para prisão em Talhahase, na Flórida, EUA. Ela e o marido foram condenados a cumprir cerca de cinco meses de prisão em regime fechado e mais cinco meses de prisão domiciliar nos Estados Unidos. Estevam Hernandes ficou preso do início de agosto até o dia 29 de dezembro de 2007. Os dois foram condenados por tentarem entrar nos EUA em janeiro de 2007 com dólares não declarados, alguns deles dentro de um fundo falso de uma bíblia.

Além da prisão, Estevam e Sônia Hernandes pagaram, cada um, multa de US$ 30 mil à Justiça americana. Eles terão ainda que cumprir dois anos de liberdade vigiada contados a partir da data da divulgação da sentença do juiz americano, dia 17 de agosto de 2007. Por causa dessa decisão, eles só poderão sair dos EUA com autorização judicial.

No Brasil, o casal de fundadores da Renascer, Estevam e Sônia Hernandes, também respondem a processos por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e estelionato. Eles chegaram a ter a prisão preventiva decretada em São Paulo.

Fonte: G1

Destaques do Mês