Homem culpou Deus pela morte da mãe, até que quase morreu e foi para o inferno

Jeff, um homem que estava com tanta raiva de Deus e O culpou por levar sua mãe visitou o inferno em um momento que mudou para sempre sua vida

Jeff, um homem que culpou Deus por levar sua mãe – Foto: Reprodução/YouTube

Jeff aceitou a Cristo ainda menino. Mas quando sua mãe faleceu devido ao câncer, ele ficou amargo. Aos 22 anos, ele esfriou em sua fé e culpou a Deus por tirar a vida de sua mãe.

Publicidade

Pouco depois, ele se tornou um policial e aprendeu a ingerir bebida alcoólica para preencher o vazio que sentia. Então, com o tempo, sua amargura cresceu e a bebida tornou-se sua fuga. Embora tivesse esta vida, ele de modo frequente ouvia uma voz lhe dizendo: “Você não pode servir a dois senhores”.

Mas sua resposta foi: “Então não servirei a Deus”.

Publicidade

Jeff conheceu e se casou com Susie. E por muitos anos, ele também lutou contra a depressão. Sua esposa sempre lutou contra os hábitos de beber de Jeff. Mas ela nunca parou de orar por ele.

“Eu sabia que ele poderia ser melhor do que o alcoolismo. E o homem que ele estava se tornando, eu sabia que ele era melhor do que isso”, disse a esposa dele.

QUASE MORREU

Então, em 22 de abril de 2014, tudo mudou depois que Jeff sofreu um trágico acidente de carro. Enquanto estava na UTI, ele passou por várias cirurgias. Após uma operação, Jeff codificou. De repente, ele começou a ver imagens de demônios e ouviu rosnados e risos malignos. Foi quando metade de seu coração parou. Jeff estava morrendo.

Publicidade

“Senti minha alma deixar meu corpo e me lembro de ter visto escuridão. E também névoa no chão e no teto. Eu fui para um lugar onde havia um vazio negro. E lembro-me de clamar a Jesus: ‘Jesus me ajude!'”, contou Jeff.

Assim sendo, teve uma visão de sua falecida mãe em um rosto de versão mais jovem. Ela olhou para ele bem nos olhos, em um olhar maternal, enquanto lavava seu braço. E Jeff voltou para seu quarto de hospital. Naquele momento, ele sabia, “simbolizava lavar” e “para mim limpar meu ato”.

Depois dessa experiência de quase morte, a vida de Jeff mudou. Ele se arrependeu e mais uma vez dedicou sua vida a Cristo. Ele também parou de beber imediatamente, começou a ler a Bíblia e a orar novamente.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.