Conecte-se conosco

Jovem revela que deixou de ser drag queen após aceitar Jesus: “Me sinto um novo homem em Cristo”

Publicado

em

Riquelmo Araújo testemunha sua transformação através de Jesus – Foto: INCC

Riquelmo tem 30 anos e desde criança teve crises de depressão e sofria bullying, mas ele nunca buscou ajuda ou iniciou um tratamento com especialistas. À medida que passavam os anos, ele sentia um vazio tão grande dentro dele.

Publicidade

Aos 17 anos, Riquelmo conheceu o meio gay e logo se sentiu acolhido e bem, fazendo novos amigos. Ele então decidiu virar drag queen, e inclusive, chegou a ser eleito, em 2009, a rainha da parada GLBT de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

“Minha família não sabia lidar comigo, era uma fase complicada, eu sabia que eles me amavam diante de tudo, mas era difícil pra mim”, disse o jovem em um testemunho contado à Igreja do Nazareno.

O jovem se mudou para Campinas, no interior de São Paulo, e foi em 2012 que ele realizou o seu último show como drag, em uma parada gay da cidade. Depois disso, Riquelmo se dedicou apenas ao seu trabalho: “Dei um salto profissional, passei a a atender e conhecer pessoas famosas, trabalhar com pessoas renomadas e ganhava muito bem, parecia uma vida perfeita, mas ainda me faltava algo”, disse ele.

Segundo conta, ele viveu uma reviravolta em sua vida profissional e estava a ponto de perder tudo. Sua vida virou uma bola de neve.

Por essa razão, Riquelmo entrou numa depressão e acordava todos se achando no fundo do poço. Ele não sabia o que fazer para sair daquele buraco.

Publicidade

REVIRAVOLTA

O jovem conta que um certo dia recebeu um convite de uma amiga para visitar uma igreja na cidade. Ele então começou a ir no ‘Encontro de Fé’, às terças-feiras, até que um dia em sua casa, viu uma oração no YouTube, e ao clicar nela, e escutando a oração, acabou entregando sua minha vida a Cristo.

“Então eu falei: ‘Senhor, cansei da minha vida, deixo tudo em tuas mãos, não sei mais o que fazer’. Foi nesta hora que senti um calor extremamente grande sobre todo meu corpo, uma unção muito forte! No dia seguinte a depressão sumiu, até hoje nunca mais senti nada”, testemunhou ele.

“Sentia uma paz muito grande, e uma grande necessidade de busca a conhecer mais o evangelho e a Deus, e depois de 4 meses que aceitei Jesus, como meu Salvador, e sentia uma grande vontade de me batizar nas águas, e assim fiz no dia 31 de junho, inclusive ia eu descendo a rua José Paulino em direção a igreja para o batismo, no mesmo dia em que acontecia a parada gay em Campinas”, lembra ele.

CONHECEU O AMOR VERDADEIRO DE DEUS

Hoje, Riquelmo, entendeu que o que lhe faltava era conhecer o amor verdadeiro de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, além de viver na presença do Espírito Santo. Atualmente ele se sente um novo homem em Cristo Jesus.

“Hoje sinto que sou um novo homem em Cristo Jesus. No Senhor podemos tudo, e Dele provém a justiça e a verdade, nosso Deus é o verdadeiro amor que lança fora todo o medo, Ele nos dá a paz que excede todo entendimento. E é essa experiência que tenho todos os dias da minha vida”, finaliza.

Publicidade

 

Editor-chefe do Gospel Minas. Cristão, jornalista e empreendedor de BH/MG. Amante da arte, comunicação e jornalismo. Pronto para servir o povo cristão com excelência. Contato: (31) 99583-5239 - [email protected]

Destaques do Mês