Presidente da Assembleia em MT está internado com suspeita de Covid-19

O pastor de 89 anos está internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital e Maternidade Femina, em Cuiabá

Pastor Sebastião Rodrigues de Souza – Foto: Reprodução/Facebook

O pastor Sebastião Rodrigues de Souza, presidente das Assembleias de Deus em Mato Grosso, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com sintomas da Covid-19. O pastor de 89 anos está internado no Hospital e Maternidade Femina, em Cuiabá.

O seu filho, o pastor Rubens Siro de Souza também está internado no mesmo hospital e com os mesmos sintomas. Já a esposa do pastor Sebastião, Nilda de Paula, também está tratando no Hospital e Maternidade Femina, mas com diagnóstico de pneumonia.

 

Leia Mais:

+Pastor relembra cura na visão, após jogo de futebol na adolescência

+Flordelis admite que rapaz que apresentava como único filho biológico é adotado

+Câncer no estômago: Rodolfo Abrantes dá seu testemunho de cura no The Noite

 

Na última segunda-feira (29), a equipe do pastor Sebastião publicou um comunicado atualizando o estado de saúde do líder religioso. Segundo a nota, o pastor presidente da AD não está entubado e seu quadro clínico é estável. Diferente do filho que permanece em intubação. Ambos aguardam resultados de exames de Covid.

Leia a nota a seguir.

“Queridos e amados irmãos segue comunicado oficial sobre o estado de saúde do Pastor Sebastião Rodrigues de Souza e Pastor Rubens Siro de Souza. Pastor Sebastião permanece na UTI, e não está intubado, seu estado clínico está temporariamente estável. Pastor Rubens Siro segue na UTI intubado, seu quadro clínico é estável. Pedimos aos amados irmãos que compartilhem somente os comunicados oficiais que serão disponibilizados nas redes sociais do Pastor Rubens Siro. Continuamos carentes das orações dos irmãos, ore por nossos pastores. Que Deus em Cristo Jesus vos abençoe.”

 


Receba nosso conteúdo EXCLUSIVO no Whatsapp! Clique Aqui!

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.