Comercial causa polêmica ao mostrar “Deus” como argentino

Um comercial da cerveja Quilmes, patrocinadora oficial da seleção de futebol da Argentina, provoca polêmica ao mostrar “Deus” como sendo argentino. A propaganda, entitulada “Diós”, que passou a ser veiculada neste fim de semana na Argentina, relaciona Deus a momentos marcantes da seleção na história das Copas



“Para a Quilmes, assim como para todos os argentinos, a Copa do Mundo é uma ocasião muito especial”, diz Diego Belbussi, diretor de marketing da empresa. “Estamos seguros que esta propaganda deixará uma mensagem de confiança sobre a história, o presente e o futuro da seleção”.

No comercial, uma voz vinda dos céus fala à população que foi sim responsável por lances históricos nas Copas do Mundo, como a bola na trave que evitou a derrota da Argentina para a Holanda no último minuto da final da Copa de 1978, ou a série de bolas que chutadas na trave pelos jogadores do Brasil durante a partida contra os argentinos no Mundial de 1990. “Sim, fui eu”, diz a “voz” no comercial.

A propaganda clama argentinos a torcerem pela seleção nacionalPropaganda clama argentinos a torcerem pela seleção nacional.

“Deus” também admite ter colaborado no famoso gol feito com a mão por Maradona contra a Inglaterra na Copa de 1986. “Esta pode ter sido sim a minha mão”, diz.

propaganda segue mostrando lances decisivos protagonizados pelos argentinos, como os pênaltis defendidos pelo goleiro Goycoechea, também em 1990, o golaço de Maradona driblando vários ingleses, em 1986, o gol do título da final daquela Copa, marcado por Burruchaga contra a Alemanha, e o gol de Palermo em pleno temporal no final da partida contra o Peru, nas Eliminatórias para a Copa de 2010, que salvou a Argentina na ficar de fora da Copa. E “Deus” diz: “Não, isso não fui eu!”. O comercial termina pedindo ao povo argentino para torcer e amar as cores da seleção acima de tudo.

No Brasil, outra marca de cerveja, a Skol, veicula propagandas nas quais torcedores argentinos se tornam fãs da seleção brasileira após beber o produto. Já a Brahma, patrocinadora oficial da seleção brasileira, mostra em comercial os jogadores do Brasil como “guerreiros”.

Sabemos da rivalidade entre Brasil e Argentina. O Brasil lança a lata de cerveja que fala e na propaganda o lote foi enviado por engano para a Argentina… Daí los hermanos responderam… Não diz o dito popular que Deus é Brasileiro? Então, eles prepararam um comercial provando o contrário. É até divertido, não fosse uma propaganda de produtos que destroem o Templo do Espírito Santo e o uso do nome de Deus em vão.

Assista:



Com informações do G1 / Youtube
Fonte: OgalileO

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.