Desafio da Música Gospel estreia com baixa audiência

Com apenas 0,6% de participação no ibope – dados não consolidados- o programa Desafio da Música Gospel estreou na Rede TV. O programa, que se trata de um reality show nos moldes do programa Idolos e teve taxas de inscrição de R$ 70, tem apresentação de Andreia Faria ( ex-Sorvetão) e Conrado.


O programa nem de perto chegou ameaçar audiência da Globo, SBT e Record. Com a  direção de Felipe Bella, com produção executiva do pastor Djalma o vencedor ganhará um contrato com a Sony Music e mais de R$ 5 milhões em prêmios.

Publicidade

Serão cinco meses – 22 programas – até que a atração revele o novo grande nome do gênero. A seleção começou no portal do programa.  Para participar da audição o candidato deveria receber 500 votos, alguns pela internet e outros por um telefone com custo de ligação para Curitiba.


As audições aconteceram  em um caminhão, um estúdio de televisão móvel que percorreu sete cidades: Salvador, Brasília, Manaus, Florianópolis, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo.

Publicidade

Na segunda etapa da disputa, os candidatos embarcam para São Paulo, onde ficam semi-confinados em um hotel durante a semana. Eles são filmados em aulas de música, postura, interpretação, etiqueta e ainda são submetidos a provas. Também participam de shows semanais para mostrarem a evolução de seu aprendizado nessa “academia” e garantirem sua permanência no programa.


O programa é exibido todos os sábados, às 13h30 na Rede TV.


 

Publicidade

Fonte: Creio

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.