Evangélicos compram 40% dos instrumentos musicais vendidos

Representante do principal nicho consumidor de instrumentos musicais e acessórios, o público evangélico é o maior comprador desse mercado.

A Associação Brasileira da Música, que reúne os principais fabricantes, importadores e distribuidores do segmento, estima que 40% desse mercado seja absorvido pelos evangélicos.

Segundo a entidade, a cada dez consumidores de instrumentos musicais e acessórios, quatro são evangélicos. Ano passado, o segmento faturou R$ 555 milhões e caminha para os R$ 610 milhões até o final de 2010.

Entre as empresas do setor que participam da Expomusic 2010 – 27ª. Feira Internacional da Música, Instrumentos Musicais, Áudio, Iluminação e Acessórios – a participação do segmento no consumo desses itens também cresce a cada ano. A Equipo, que distribui mais de 20 marcas em todo o País, tem 53% das suas vendas absorvidas por consumidores evangélicos e estima que este percentual cresça em torno de 22 % ao ano. Apostando nesse nicho, a empresa levará artistas do segmento gospel para performances durante o evento.

Na mesma linha, a fabricante de instrumentos de percussão, Odery Drums, estima em 50% a participação desse público em seu faturamento. Já a importadora Pride Music e a fabricante de pedais de efeito Fuhrmann apontam um índice menor, mas ainda assim alto, 30% de participação do consumidor evangélico nesse mercado.

Fonte: Creio

Publicidade
COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.