Conecte-se conosco

Gospel

Igreja Universal é condenada por agredir fiel epilético

Publicado

em

A Igreja Universal do Reino de Deus terá que pagar R$10 mil de indenização para um fiel que fora agredido por pastores no templo da igreja na cidade de Sumaré, interior de São Paulo.

A decisão partiu do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) que julgou o recurso movido pela igreja.

Em 2001 o membro da IURD Alcione Saturnino dos Santos teve uma crise de epilepsia dentro do templo da cidade de Sumaré e os pastores, achando que ele estava possuído por espíritos, começaram a agredi-lo com socos.

Em seu depoimento Saturnino relata que estava no culto quando começou a passar mal, avisando aos pastores ele foi até o fundo da igreja para tomar remédios e aí então a agressão aconteceu.

Publicidade

O processo já havia dado a causa para o membro agredido em primeira instância, mas a IURD, que não apresentou defesa dentro do prazo estipulado, entrou com recurso alegando cerceamento de defesa.

Até que essa semana o caso foi julgado pelo TJSP, onde os desembargadores, de forma unânime, entenderam que a igreja não teve nenhum impedimento para se defender já que foi intimada e não apresentou sua defesa.

O portal UOL tentou encontrar os representantes legais da denominação para comentarem sobre essa decisão, mas não tiveram respostas.

Publicidade

Gospel Prime

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques do Mês