Conecte-se conosco

Tv

Pyong Lee após ataques na internet: “Como cristão, não posso me acovardar”

Publicado

em

Foto: Reprodução

O youtuber e hipnólogo Pyong Lee, que foi participante do do Big Brother Brasil da TV Globo em 2020, anunciou que contratou advogados para processar pessoas que, segundo ele, realizaram ataques contra ele e sua família pelas redes sociais.

Publicidade

Segundo Pyong, “um apresentador de televisão, que me recuso a citar a nome, se permitiu até mesmo ameaçar minha integridade física, com injúrias raciais, incitando o ódio de seus seguidores, que passaram também a me atacar, colocando em risco a integridade física e psicológica, não somente minha, mas de minha família”, além disso, ele disse que “Outro influenciador digital anunciou, em alto e bom som, que irá me perseguir, convocando os seus a fazerem o mesmo, gerando uma avalanche de novos vitupérios, o que é crime”, disse Pyong.

O hipnólogo publicou em suas redes sociais que juntou provas e documentos necessários para entrar com medidas judiciais contra os haters. Pyong afirmou que ele, sua esposa Sammy Lee e seu filho Jake foram vítimas do que ele chamou de “discursos de ódio” e que vai lutar por ele e também todas as pessoas que sofrem de diversos crimes na internet.

Publicidade

“Teremos uma batalha judicial contra esses que odeiam minha etnia asiática e atacam meu filho e minha esposa. Eu sinto que preciso lutar não apenas para defendê-los, mas também em nome de todos que sofrem linchamento e bullying online, cancelamento, racismo, preconceito e toda forma de opressão digital, que levam milhares de pessoas à depressão e muitos outros problemas, inclusive o suicídio.”, disse ele.

Ele ainda disse que, como hipnoterapeuta, atende pessoas que sofrem de depressão e sente que é o momento certo de lutar contra aqueles que causam esse tipo de sofrimento nas vítimas e demais tipos como ansiedade e suicídio.

“Como cristão, não posso fechar meus olhos e me acovardar, é meu dever lutar e sei que isso poderá evitar que outras pessoas venham a passar por situações parecidas. Eu espero que a internet seja utilizada para o bem e se transforme num ambiente mais seguro para todos, sejam adultos ou crianças.”, disse ele. 

Publicidade

Participação no BBB

Ele voltou a falar sobre a sua decisão de participar do reality show da TV Globo mesmo sabendo que sua esposa estava grávida e prestes a dar à luz ao pequeno Jake. Sua decisão foi muito repercutida fora da casa do Big Brother. Ele foi eliminado do programa com 51% dos votos.

“Mesmo sabendo do enorme sacrifício que eu teria que fazer, em não estar em família e ver meu filho nascer, decidimos, eu e minha esposa, que eu entraria no BBB com um único propósito: alcançar mais pessoas, para que mais vidas tivessem acesso ao bem que posso fazer com a hipnoterapia, no tratamento da saúde mental daqueles que sofrem coisa semelhante ao que vivi e passei em minha vida.”, disse Pyong.

“Não vou me estender, mas senti que precisava desabafar com vocês, por respeito a tudo o que estamos criando “juntos” e todo o bem que faremos para muitos, mesmo que desconhecidos, porém, todos filhos e filhas de Deus.”, finalizou o youtuber em suas redes sociais. 

Apoio dos seguidores e artistas

Publicidade

Milhares de seguidores e artistas se manifestaram em favor de Pyong Lee. Muitas pessoas e alguns famosos deixaram uma mensagem de apoio na publicação do hipnólogo que veio acompanhado de uma foto da família. Entre alguns comentário estavam das apresentadoras Adriane Galisteu e Eliana.

Destaques do Mês