Conecte-se conosco

Mundo

Donald Trump caminha até uma igreja danificada com bíblia nas mãos

Publicado

em

Imagem: TOM BRENNER/REUTERS

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, caminhou nesta segunda-feira (1) da Casa Branca até a igreja episcopal de Saint John, um edifício histórico próximo à sede do Executivo, danificado na noite de domingo (31), durante um protesto contra o racismo.

Ao finalizar pronunciamento nos jardins da Casa Branca, o presidente disse que iria a um lugar “muito, muito especial” e foi a pé até a, popularmente conhecida, Igreja dos Presidentes, pois é frequentada por todos os líderes americanos desde James Madison (1809-1817)”, e que tinha sido danificada por um incêndio na véspera. Ele carregava uma bíblia em suas mãos.

 

Publicidade

Leia Mais:

+Pastor da Assembleia de Deus morre vítima de coronavírus em Maceió

+“Se afaste de gente que se alimenta da sua dor”, diz Felippe Valadão no VillaMix

Publicidade

+Central 3 lança “Leão e o Trono” com participação de Brunão Morada

 

 — Temos um grande país  —  Disse Trump, que levava uma bíblia em uma das mãos.

No pronunciamento, o presidente anunciou que irá enviar militares às ruas para conter violência em protestos antirracistas, que se espalharam pelo país após a morte do ex-segurança negro George Floyd.

Trump classificou as cenas de violência como “atos de terror doméstico”.

*AFP

Publicidade

 


Receba nosso conteúdo EXCLUSIVO no Whatsapp! Clique Aqui!


 

De Belo Horizonte para o mundo. Editor do Gospel Minas. Contato: (31) 99583-5239 - [email protected]

Destaques do Mês