Conecte-se conosco

Mundo

Rapper norte-americano lança ‘Tênis de Satã’ com gota de sangue humano

O lançamento conta com 666 pares, que são numerados individualmente e têm a inscrição Lucas 10:18 nas laterais. Os tênis estão disponíveis por US$ 1.018,00 (cerca de R$ 5,7 mil)

Publicado

em

Lil Nas X e “Tênis do Satã” – Foto: Reprodução/Twitter

O rapper norte-americano Lil Nas X, de 21 anos, está se unindo à empresa de calçados MSCHF para lançar o ‘Satan Shoes’ ou ‘Sapato de Satanás’, que é uma versão customizada do Nike Air Max 97 contendo uma gota de sangue humano.

O lançamento conta com 666 pares, que são numerados individualmente e têm a inscrição Lucas 10:18 nas laterais, que diz: “Ele respondeu: ‘Eu vi Satanás caindo do céu como relâmpago. Eu dei a vocês autoridade para pisarem sobre cobras e escorpiões, e sobre todo o poder do inimigo; nada lhes fará dano. Contudo, alegrem-se, não porque os espíritos se submetem a vocês, mas porque seus nomes estão escritos nos céus'”.

De acordo com o portal Entertainment Weekly, os tênis estarão disponíveis por US$ 1.018,00 (cerca de R$ 5,7 mil) a partir desta segunda-feira. Os tênis contém uma gota de sangue humano na sola, retirada de membros da equipe da MSCHF – ironicamente, a MSCHF já havia lançado Air Max 97 customizado chamado “Jesus Shoes”, que a empresa disse que continha água benta retirada do rio Jordão.

Tênis do Satã com sangue humano – Foto: Reprodução/Twitter

Os tênis estão relacionados ao tema do videoclipe de Lil Nas X para sua nova música ‘Montero (Call Me By Your Name)’, em que ele desce ao inferno e seduz o diabo. O lançamento da linha de calçados gerou controvérsia nas redes sociais e foi criticado pelo público cristão.

Em um comunicado, a Nike diz que “Não temos um relacionamento com Little Nas X ou MSCHF”. “A Nike não projetou e lançou esses tênis e não os apoiamos.” diz a nota. A empresa diz não estar envolvida “de qualquer forma” na produção dos tênis.

A MSCHF, a marca do Brooklyn que vende os sapatos, afirma que “cerca de seis” funcionários tiraram seu próprio sangue para doar ao empreendimento de moda de Lil Nas X.

Publicidade

Destaques do Mês