Conecte-se conosco

Brasil

Grupo de hacker expõe dados pessoais de Bolsonaro, filhos e ministros

Publicado

em

Hackers vazam dados pessoais de Bolsonaro, filhos e ministros| Foto: Reprodução

Um grupo de hacker publicou na noite desta segunda-feira (1º), dados pessoais da família de Bolsonaro e dois de seus ministros de estados. O grupo intitulado “Anonymous Brasil” postaram as informações com links para o Pastebin, local que permite usuários baixarem códigos contendo os dados.

Publicidade

O grupo publicaram dados pessoais do presidente da república Jair Bolsonaro, dos filhos Flávio Bolsonaro e Carlos Bolsonaro, senador e vereador respectivamente e do deputado estadual paulista Douglas Garcia. O ministro da Educação, Abraham Weintraub e sua esposa Daniela Weintrau, a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves e o empresário Luciano Hang, dono da Havan, também tiveram dados vazados pelo grupo.

 

Publicidade

Leia Mais:

+Donald Trump é levado a bunker diante das manifestações em Washington

+Menino de 7 anos tem sonhos com o coronavírus: “Um Leão e um Cordeiro o esmagavam”

Publicidade

+Evangelista Franklin Graham pede que igrejas orem pela paz durante protestos

 

As informações expostas pelo grupo criminoso trazem dados como número de celulares, endereços de e-mail, endereços físicos, bens declarados, participação em empresas, score do Cadastro de Pessoa Física (CPF), além de dívidas registradas em seus nomes.

De acordo com o site TecMundo, durante a noite do último domingo (31), em sua conta oficial no Twitter, uma das principais células Anonymous resolveu se pronunciar em relação aos protestos ocorridos em algumas cidades do mundo, devido a um policial branco ter assassinado um cidadão afro-americano de 46 anos, chamado George Floyd.

Poucos minutos depois da divulgação dos dados nesta segunda, as postagens foram retiradas do ar pelo próprio grupo.

Publicidade

– Apagamos os documentos com as informações pessoais do Carlos Bolsonaro e do Jair, todos conseguiram salvar? O twitter é automático, esse tira do ar esse tipo de arquivo, por isso retiramos. Vocês podem compartilhar o link pela DM. Quem tiver comenta, quem quiser também – Afirmou o perfil.

O deputado estadual por São Paulo, Douglas Garcia (PSC), e o vereador pelo RJ, Carlos Bolsonaro foram os únicos que se manifestaram pelas redes sociais até o fechamento dessa matéria.

 

 

Publicidade

Receba nosso conteúdo EXCLUSIVO no Whatsapp! Clique Aqui!


 

Editor-chefe do Gospel Minas. Cristão, jornalista e empreendedor de BH/MG. Amante da arte, comunicação e jornalismo. Pronto para servir o povo cristão com excelência. Contato: (31) 99583-5239 - [email protected]

Destaques do Mês