Conecte-se conosco

Jovem vence as drogas após conhecer Jesus: “Minha vida nunca mais foi a mesma”

Publicado

em

Álvaro Bonfim – Foto: Arquivo Pessoal

O analista de qualidade Álvaro Trindade Bonfim, de 28 anos, recorda a desestruturação familiar causada pelos vícios. “Meu pai nunca deixou faltar nada em casa, mas os vícios dele nos impediram de sermos uma família completa e feliz”, disse ele ao site Universal.org.

Publicidade

Aos 16 anos, no entanto, ele seguiu o mesmo caminho do pai. “O primeiro contato que tive com os vícios foi no colégio. Inicialmente, optei por não usar drogas tanto pelo medo que tinha dos meus pais como por ser da Igreja, mas uma curiosidade nasceu em mim”, conta.

“Fui perdendo o interesse pelas coisas de Deus e, em consequência disso, acabei me afastando da Sua Presença. Foi então que aquela curiosidade veio à tona: fui totalmente sequestrado pelo mundo e por suas fantasias. Comecei com o lança-perfume e pensei comigo mesmo: ‘não tem como algo com cheirinho tão gostoso ser tão ruim assim’”, descreve.

Publicidade

FOI PIOR

Alguns meses depois, Álvaro passou a consumir bebidas alcoólicas. “Quando menos esperei, conheci a maconha. Eu passava a maior parte do tempo fora de casa e só voltava para tomar banho e dormir. Durante as noites, eu ficava bebendo, usando drogas e me prostituindo. Meu comportamento já não era o mesmo.”

Apesar disso, ele conta que não se considerava viciado. “Eu pensava assim porque não roubava ninguém nem dormia na rua e achava que não precisava de ajuda. Por um tempo, me esforcei por conta própria e decidi parar de usar drogas. Consegui ficar sem elas por quase um ano, tive uma recaída e voltei pior do que estava antes. O momento mais crítico foi quando me dei conta da devastação que estava causando em minha vida e na dos meus familiares. Dentro de casa era um inferno, que era causado por mim. Eu tirava a paz de todo mundo. Certa vez presenciei minha mãe desmaiar por causa da grande tristeza e do desgosto de me ver drogado. Minha família estava sempre chateada e implorava para que eu mudasse, mas eu nunca ouvia ninguém.”

NOVA HISTÓRIA

Em maio de 2016, Álvaro aceitou o convite de sua mãe para ir a uma reunião de uma igreja próxima. “Eu estava em uma das piores fases dos vícios e usava drogas todos os dias. Saí da reunião totalmente diferente. Foi como se tivessem tirado um peso de mim”, revela.

Publicidade

“Após duas semanas passei a sentir nojo das drogas e das coisas erradas que fazia e decidi obedecer o que era ensinado. A Fé na Palavra de Deus é o alicerce que tem sustentado todos os meus dias desde então. Ela não só foi a ferramenta para vencer os vícios, mas me deu condições de ser transformado e poder construir uma nova história. Entreguei ao Senhor Jesus o caco de vida que eu tinha e Ele me deu uma nova chance e uma nova vida. Minha vida nunca mais foi a mesma. Hoje há união dentro de casa”, finaliza.

Editor-chefe do Gospel Minas. Cristão, jornalista e empreendedor de BH/MG. Amante da arte, comunicação e jornalismo. Pronto para servir o povo cristão com excelência. Contato: (31) 99583-5239 - [email protected]

Destaques do Mês