Pastora Talitha Pereira: “Existem princesas que vivem entre nós disfarçadas”

Talitha Pereira Foto: Reprodução/Instagram

Ao responder sua filha se existiam princesas, a pastora Talitha Pereira foi direta: “Sim”. Ela deixou claro que pelas regras da monarquia da Inglaterra, por exemplo, apenas as mulheres com sangue real podem ser princesas, independentes de esforços, habilidades, talentos e etc.

Publicidade

Ela também explicou que ser uma princesa não tem como ser reivindicado na Justiça ou solicitado pela suprema corte. Claro, quando se trata em países como Inglaterra.

Mas, Talitha também salientou que nós brasileiros, estamos diante de várias princesas por aí. E que vivem entre nós disfarçadas. Ela se referiu a todas as mulheres batalhadoras, que lutam, trabalham, alegram pessoas, as que praticam esportes, participa da vida social e política de uma sociedade, enfim, todas são princesas quando elas caminham no cumprimento da vontade de Deus:

Publicidade

“Existem algumas princesas que vivem entre nós disfarçadas. Princesas que enfrentam o trânsito sem fim todo dia, que fazem feira no supermercado, que cuidam dos filhos, que fazem dupla jornada e se multiplicam para dar conta de tudo, que correm para ajudar na lição de casa, que fazem aquela comida deliciosa ou que só sabem fazer pão com ovo.”, disse ela.

“Princesas que escalam montanhas, jogam futebol, participam de debates políticos ou são grandes mulheres de negócios. Todas elas são verdadeiras princesas, cumprindo seu propósito na linda pluralidade sonhada por Deus!”, finalizou.

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.