Criança grávida de gêmeos: Polícia prende padrasto que engravidou menina de 10 anos

Sua prisão ocorreu quando ele tentava vender uma bicicleta em Resplendor/MG. A mãe da menina também está grávida do homem, com 21 semanas

Polícia prende acusado de engravidar menina de 10 anos em Valadares

Polícia prende acusado de engravidar menina de 10 anos em Gov. Valadares – Foto Shutterstock/Reprodução.

O homem acusado de engravidar uma menina de 10 anos em Governador Valadares, em Minas, foi preso na manhã desta sexta-feira (22/01) em Resplendor, há 140 quilômetros da cidade. Ele chegou à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) por volta das 12h30, conduzido por policiais militares (veja o vídeo abaixo).

Publicidade

Sua prisão ocorreu quando ele tentava vender uma bicicleta em Resplendor/MG. Segundo o Portal Estado de Minas, em atitude suspeita, numa praça desta cidade, foi denunciado à Polícia Militar por um morador. Foi identificado pelos policiais, preso e conduzido até a cidade de Governador Valadares.

A menina de apenas 10 anos de idade viveu o terror de ter sido estuprada pelo padrasto, de 26 anos, e ter ficado grávida de gêmeos. O caso aconteceu no bairro Carapina, em Governador Valadares, na região do Rio Doce em Minas Gerais.

Publicidade

MÃE QUE DENUNCIOU

Segundo a polícia, a mãe foi quem denunciou o crime, após descobrir que a filha está grávida de gêmeos e com 14 semanas de gestação. A mãe da menina também está grávida do homem, com 21 semanas.

A mãe começou a desconfiar quando percebeu que a menstruação da filha estava atrasada e resolveu fazer um exame de gestação.

A mãe marcou o exame pelo Sistema Único de Saúde, mas como ia demorar para fazer, ela juntou o dinheiro e pagou a ultrassonografia. Em depoimento à polícia, a vítima disse que o último abuso foi no dia 7 de janeiro, Segundo a delegada responsável pelo caso, Adeliana Xavier.

Publicidade

“Ela fez o exame ontem (nesta terça) e viu que a filha estava grávida de gêmeos. Ela foi perguntar para a filha o que tinha acontecido. A menina não queria contar, mas por fim falou que o padrasto tinha feito isso com ela. A mãe foi para casa e foi para cima do padrasto, agrediu ele, xingou e ficou revoltada. O homem se defendeu das agressões e também agrediu a mulher com empurrões. Ela ficou com marcas do crime”, complementa a delegada.

De acordo com a polícia, um inquérito foi aberto nesta quarta-feira (20/01), após a mãe comparecer na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, junto com a filha, nessa terça-feira (19/01). Segundo a vítima, os abusos teriam começado quando ela ainda tinha 6 anos de idade.

“Segundo as informações prestadas pela própria menina, ele começou a molestá-la quando ela tinha 6 anos, mas não era frequente. Durante esse período de 6 aos 10 anos de idade, ele a molestou entre quatro e cinco vezes”, disse a delegada.

A polícia informou ainda que trabalha para apurar os fatos.

“Como que uma pessoa tem a coragem de pegar uma menina que está com o corpo em formação ainda. Como que ele tem coragem de pegar uma menina, uma criança, e estuprar, sabendo que aquilo é errado? Eu, como delegada de polícia, eu tenho que me virar do avesso para tentar tirar esse sujeito de circulação”, lamentou a delegada.

Publicidade

 

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.