PM encontra carreta “recheada” de maconha em estacionamento de igreja

O pastor da igreja informou à PM que foi contado a ele que a carreta precisava de manutenção e por isso autorizou a entrada do veículo no estacionamento

As barras de maconha estavam no assoalho da carreta cobertas por uma fina camada de café – Foto: Polícia Militar/ Divulgação

Uma denúncia anônima levou a Polícia Militar de Minas Gerais a apreender quase 2 toneladas de maconha em um estacionamento de uma igreja. A apreensão aconteceu em Contagem, cidade vizinha de Belo Horizonte.

Publicidade

– Constatamos que se tratava de um carregamento de drogas oriundas do exterior que seriam destinadas à região metropolitana por uma quadrilha que atua na região Noroeste de Belo Horizonte. As drogas seriam para o abastecimento no aglomerado Pedreira Prado Lopes e bairro Concórdia (região Nordeste de BH) – Explicou o tenente Wanderley Assunção, do Tático Móvel do 34º Batalhão.

 

Publicidade

Leia Mais:

+Morador de rua surpreende policial militar ao pedir bíblia de presente

+Preto no Branco atinge marca histórica de 1 bilhão de views no YouTube

+Xuxa Meneghel revela que vai lançar livro infantil com temática LGBT

Publicidade

 

A carreta recheada de drogas foi localizada no lote vago, que serve de estacionamento, ao lado da igreja. Os criminosos estavam atrás do veículo que ao perceber a aproximação da viatura, dois deles fugiram em direção a um matagal próximo. O terceiro homem, de 34 anos, era o motorista da carreta. Ele disse aos militares que era do Paraná e receberia R$ 10 mil pelo transporte da maconha. Ainda segundo condutor, a droga veio do Paraguai.

Foto: Polícia Militar/ Divulgação

– O pastor fez contato com a gente. Para ele foi contado que a carreta precisava de manutenção. O pastor, de boa fé, autorizou que ficasse no estacionamento. Ao que tudo indica, não tem participação dele no crime de tráfico de drogas – Disse o militar.

A polícia militar precisou de acionar o helicóptero Pégasus e cães da Rocca, logo, o segundo suspeito, de 21 anos, foi localizado na mata. Ao todo foram apreendidas 1.860 barras de maconha com cerca de um quilo cada.

Publicidade

Foto: Polícia Militar/ Divulgação

Sob anonimato, uma fiel de 44 anos contou ao Site O Tempo, que nessa segunda-feira (20), na parte da tarde, o jovem de 21 anos foi até o local em que ela trabalha e pediu o número de telefone do pastor.

– O rapaz chegou aqui por volta das 15h00 me pedindo o numero do meu pastor. Pensei até que fosse para pedir oração. Fiquei sabendo o que aconteceu hoje de manhã quando cheguei para trabalhar. Esse rapaz também trabalha aqui perto, sempre me pagou direitinho e não tinha suspeita nenhuma. Aproveitaram da boa fé do pastor, que é um homem muito íntegro, trabalhador. A gente usa de bom coração para ajudar sem saber o que espera – Disse ao O Tempo.

O pastor da igreja não quis fala sobre o assunto.

 

Publicidade

Siga o Gospel Minas no Google News


 

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.