Pastor com Covid ganha alta, após família raspar a cabeça por promessa de cura

O pastor ficou internado em um hospital de Goiás por 25 dias e recebeu alta um dia após o voto de sua esposa e duas filhas

Pastor é recebido pela família após se curar da Covid-19 – Foto: Arquivo pessoal/Polyana de Jesus

Um pastor de Goiânia contraiu a Covid-19, mas ficou curado da doença e recebeu alta do hospital que estava internado. O que seria apenas mais um caso de cura no Brasil, a família revelou que se apegou à fé em Deus para conseguir ver o familiar curado do novo coronavírus.

+ Homem paraplégico há 9 anos, volta a andar após aceitar Jesus Cristo

Paulo Luís Alves Rodrigues, de 57 anos, ficou internado no Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP), na região metropolitana de Goiânia e chegou a ficar em estado grave por conta das complicações da doença. A filha do pastor Paulo, conta que toda a família estava com medo e revelou que ela, uma irmã e a mãe fizeram um voto à Deus pela cura do pai. Ambas rasparam a cabeça.

– Minha mãe fez um voto com Deus para que se ele [Paulo Luís] curasse. Ela rasparia a cabeça. Eu e minha irmã nos unimos a ela. Raspamos a cabeça e, no outro dia, meu pai saiu da UTI. Meu pai é o nosso milagre – Conta a filha.

+ Victor Azevedo é criticado ao dizer que “Fomos gerados pelo sêmen de Deus”

O pastor ficou internado no hospital por 25 dias, antes de ganhar alta na última terça-feira (11). Ele deu entrada no hospital com muita falta de ar, tosse seca e dores no corpo e cabeça. Ele foi internado na UTI e precisou ser entubado. Ao sair da unidade de saúde, Paulo foi recebido com muitos aplausos de amigos, familiares e funcionário do hospital.

– Houve uma dificuldade muito grande para entubar meu pai. Eu fiquei desesperada. De primeira não foi. Três médicos tentaram e nada. Eles contaram que meu pai tinha uma gordurinha na região do pescoço que estava impedido. Depois de um tempo deu certo. Foi um dia de muito sofrimento – Disse a filha.

O pastor continua se recuperando e espera poder voltar com as atividades religiosas. A filha, que também é pastora da igreja Assembleia de Deus do setor Don Bosco I, conta que a fé é o que alimenta e guia a família dela. Ela pede para que as pessoas se cuidem.

+ Homem paraplégico há 9 anos, volta a andar após aceitar Jesus Cristo

-Nós precisamos muito de Deus e da família. As pessoas têm que se prevenir. Meu pai nunca imaginava que iria pegar essa doença. Ela deixa a pessoa muito debilitada, tanto fisicamente, quanto psicologicamente. Se cuidem – Disse a filha.

Já na enfermaria, família se comunicava com pastor pela internet – Foto: Arquivo pessoal

 


Siga o Gospel Minas no Google News


 

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.