Conecte-se conosco

Mulher curada da Covid-19 relata experiência sobrenatural na UTI: “Deus me disse que era hora de acordar”

Publicado

em

Paola Castillo com parte da equipe médica que ajudou a salvar sua vida. (Foto: Medical City North Hills)

Uma mulher nos Estados Unidos, sobrevivente da Covid-19, pode finalmente voltar para a casa após 79 dias no hospital. Ela afirma que viu a luz de Deus dizendo para ela acordar de um coma.

Paola Castillo, de 24 anos, começou a se sentir mal em 27 de abril, logo, sua família tratou de levá-la às pressas para o pronto-socorro de Medical City North Hills, no Texas/EUA. Ela apresentou sintomas como dificuldade em respirar, tosse e estava com febre há seis dias.

 

Publicidade

Leia Mais:

+Roni Peixoto, considerado o maior traficante de Minas, troca o tráfico pela igreja: “Eu sirvo um Deus Vivo”

+Atriz de ‘Homem Aranha’ usa redes sociais para falar de Jesus: “Ele traz eternidade”

+Flordelis não comparece em depoimento sobre acusação de adoção irregular

Publicidade

 

– Talvez se eu tivesse escutado e usado uma máscara, apenas uma coisa simples, eu teria evitado tudo isso. Eu trabalho em um banco e estou sempre perto das pessoas, mas, eu estava bem, estou bem. Nunca pensei que fosse pegá-lo – Disse Paola sobre o vírus.

Nas primeiras 24 horas após a hospitalização, ela piorou e foi colocada em um ventilador. A equipe do hospital disse à família que ela estava em uma situação de “a qualquer momento iria partir”.

Experiência sobrenatural

Na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), Castillo se lembra de apenas alguns momentos em que interagia com os profissionais de saúde durante sua permanência na UTI. Ela até pensou que eram sonhos. Mas há um sonho que ela afirma que nunca esquecerá.

– Vi uma luz. Essa luz estava Deus me dizendo que era hora de acordar – Disse ela enquanto se recuperava no hospital.

Após alguns dias, ela começou a apresentar uma melhora significativa, e inclusive, foi deixando de usar o ventilador. Mas, Castillo descobriu que muitas de suas habilidades físicas haviam se atrofiado, como a capacidade de falar, engolir e andar.

Publicidade

Paola Castillo fala de sua cama de hospital. (crédito: Cidade Médica North Hills)

Sobrevivente do novo coronavírus

Enfermeiras, terapeutas e outros funcionários trabalharam para fornecer cuidados compassivos e conexões significativas para mantê-la motivada e positiva durante a reabilitação. Os médicos até ajudaram Castillo a se aventurar do lado de fora para sentir a chuva depois de 67 dias dentro do hospital. Ela deu os primeiros passos desde que foi internada em 3 de julho.

A Dra. Hetal Rana, médica em Medical City North Hills, compartilhou que a recuperação de Castillo incentiva ela e toda a equipe médica. Depois de ver muitos pacientes morrerem por causa do vírus, ela disse que Paola os motivou mais uma vez.

– Isso meio que reenergiza você e dá a você a noção do que significa salvar a vida de alguém e ajudar alguém a superar uma doença tão grave como essa – Disse a médica.

Depois da alta, a mulher voltou a fazer um outro exame para a Covid, dando resultado negativo, e assim confirmando que Deus a curou daquela doença.

 

Com informações de CBS DFW.

Publicidade

 


Siga o Gospel Minas no Google News


 

De Belo Horizonte para o mundo. Editor do Gospel Minas. Contato: (31) 99583-5239 - [email protected]

Destaques do Mês