Menina de 16 anos vence o câncer em estágio avançado e mãe agradece: “Deus operou um milagre”

Ellen enfrentou o Linfoma de Hodgkin em estágio 4, a fase mais avançada da doença

Ellen Cristina Lopes da Silva, de 16 anos, tocou o sino para simbolizar o final de seu tratamento – (Foto: Reprodução / Tribuna de Jundiaí)

Ellen Cristina Lopes da Silva é um exemplo de fruto de um milagre neste ano tão difícil para os brasileiros. Aos 16 anos, a adolescente e sua família tem muito o que comemorar, isso porque ela venceu um câncer que enfrentava desde os 14 anos.

+ Médica picada por cobra deixa UTI e diz ter conversado com Deus: “Ordenei uma equipe de anjos pra te salvar”

Ellen enfrentou o Linfoma de Hodgkin em estágio 4, a fase mais avançada da doença. Moradora de Várzea Paulista, no interior de São Paulo, a menina ganhou alta do Hospital da Criança do Grendacc, na cidade vizinha de Jundiaí, em agosto, mas o fim do tratamento, ainda repercute, principalmente entre os familiares.

A mãe de Ellen, Juliana Lopes, conta que antes da filha completar seus 15 anos, no começo de 2019, a família havia recebido o triste diagnóstico já na fase mais avançada da doença, em que as células cancerosas já estão presentes em vários órgãos e tecidos do corpo.

+ Ator de ‘Deus Não Está Morto’ anuncia separação: “Depois de muitas orações e aconselhamentos”

– Faltavam três meses para a festa de 15 anos da Ellen, que estávamos organizando há três anos. Mas quando descobrimos que ela estava com um câncer em estado avançado foi terrível e cancelamos o evento – Lembra a mãe Juliana Lopes.

Antes da família descobrir o diagnóstico da filha, Ellen enfrentou muitas dificuldades, pois dependia 100% do sistema de saúde da sua cidade. Inclusive, a mãe reclama que pediu um ultrassom para a filha em outubro de 2018 e o resultado nunca saiu.

Após fazer um raio-x em um hospital, depois que a filha passou mal, médicos descobriram nódulos dentro do pulmão da adolescente. Logo, encaminhou Ellen para o Grendacc onde contatou o Linfoma de Hodgkin em estágio 4, e já em seguida, iniciando o tratamento.

+ Devi Titus é diagnosticada com tumor no pulmão e pede orações

Em agosto, quando a filha ganhou alta, a mãe emocionada agradeceu a toda equipe médica que cuidou de Ellen e disse que todos foram usados por Deus.

– Hoje louvo a Deus que operou um milagre na vida da minha filha e ela recebeu o diagnóstico de cura do câncer –  Disse ela – O Grendacc é uma instituição que foi preparada por Deus para ajudar as crianças e as mães. Eles tem um carinho muito grande por todos. Só tenho a agradecer desde o porteiro, as meninas da cozinha, recepção, todas enfermeiras, psicóloga, nutricionista, assistente social, fisioterapia. Todas! – Agradeceu Juliana.

A alta foi bastante comemorado pela família, e principalmente pela instituição de saúde onde Ellen esteve tratando. Na manhã de 11 de agosto, a adolescente emocionou a todos ao tocar o sino para simbolizar o final de seu tratamento.

Ellen conta que criou muita força para lutar contra esta doença ao lembrar dos amigos que perdeu nessa trajetória.

– Nunca desisti de lutar, por mim e por eles também – Declarou.

Sobre a festa de 15 anos cancelada, ela vai acontecer em outubro, mas com capacidade reduzida por conta da pandemia. Mesmo assim, será comemorado os dois últimos aniversários e também o sucesso do tratamento.

 

*TribunaDeJundiai.

 


Receba as notícias do Gospel Minas no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp: bit.ly/2R9Ign9

Telegram: bit.ly/2CNJQY7


 

COMENTÁRIOS

Os comentários não representam a opinião do Gospel Minas; a responsabilidade é do autor da mensagem.